Páginas

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

mágoas

há um ano mais ou menos que se apoderou de mim uma pequena mágoa.
uma daquelas amigas que pensamos serem para sempre, deixou de o ser. quer dizer, eu continuo a gostar dela,  mas por um mal entendido, por um diz que disse, por culpa de terceiros, por circunstâncias da vida, a amizade desvaneceu-se. eu sinto a falta dela, é verdade. temos recordações incríveis. mas também tenho amor próprio e por mais falta que sinta, a vida está aqui para me trazer mais pessoas. e tem trazido, algumas, felizmente.


2 comentários:

Lacorrilha disse...

Há cerca de duas semanas que deixei de ter na minha vida uma pessoa que achava ser para sempre. Foi um golpe duro e radical como sou, cortei o mal pela raiz, de um dia para o outro afastei-de da pessoa em causa. Eu costume seguir sempre em frente, sem olhar para trás, por isso estou bem resolvida. Envia compaixão para essa situação e se quiseres experimentar, escreve num papel a tua mágoa, queima-o e deita as cinzas no mar. A mim ajudou-me. Acredito que o Universo nos trás pessoas para a nossa vida e quando evoluímos, leva-as.
Beijinho e bom fim semana.

Coquinhas disse...

Isso também me aconteceu com uma das minhas melhores amigas. Mas não foi culpa de ninguém, fomos nós que não alimentamos a relação, pelos mais diversos motivos. Ainda hoje, apesar de me ter "desencantado", lhe sinto a falta.