Páginas

domingo, 19 de junho de 2011

Um sítio que eu quero muitoooo ir visitar!


Aldeia Avieira de Escaroupim
Aqui tão perto!

"As aldeias avieiras “Avieiros” é nome dado ao grupo de pescadores naturais da Vieira de Leiria (alguns também de Aveiro) e que, desde o início do séc. XX até aos anos 60, começaram a chegar às margens do Rio Tejo e do rio Sado sobretudo durante o Inverno, em busca de melhores condições para pescar. Inicialmente rejeitados pelos naturais destas regiões ribeirinhas, os avieiros viam-se obrigados a viver dentro nos seus próprios barcos durante o período que passavam por estes rios acima. Pouco a pouco foram-se integrando na região e fazendo alguns trabalhos agrícolas, sobretudo nas culturas
sazonais de Verão do Ribatejo como o milho e tomate. Naquela altura começaram a passar boa parte do ano fora de casa e por isso foram apelidados de “ciganos do rio”.
Estar ausente do domicílio por períodos tão dilatados fez com que estes semi-nómadas, que protagonizaram o último grande movimento migratório do séc. XX em Portugal, tivessem que começar a construir pequenas habitações de madeira junto ao rio, maioritariamente sobre palafitas para escapar às cheias. É a estes grupos de casas que se dá o nome de aldeias avieiras. Hoje ainda existem 14, espalhadas por 10 concelhos ribeirinhos do Tejo e por mais dois no Sado (Grândola e Alcácer do Sal). Sobre este povo de nómadas do rio há vários textos e livros escritos mas o melhor mesmo é ler o escritor Alves Redol que de forma sublime retratou esta comunidade no seu
livro “Avieiros”.
Pode também passar pela reconstruída aldeia avieira do Escaroupim em Salvaterra de Magos, onde tem parque de campismo disponível e uma casa-museu onde pode ficar a conhecer por dentro como eram as suas casas e como viviam estes “ciganos do rio”."
João Batista/ O Ribatejo, Sexta-feira, 8 de Ago de 2008






4 comentários:

*Sininho* disse...

Não conheço mas parece um sítio fantástico!$

Lacorrilha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
M.M. disse...

Conheço bem :) um sitio muito bonito para passar a tarde!

Vitor disse...

Por favor respeite os direitos de autor da fotografia:
http://www.flickr.com/photos/vitor107/240783779/in/set-72057594079883311/